Paella Gitana

Paella Gitana

A paella gitana é uma receita dos ciganos kalderash e é uma das mais tradicionais receitas ciganas. Presente nas slavas de Santa Sara, é uma das receitas mais elogiadas.

Para ela, não há quantidades pequenas, por isso quem quiser fazer uma receita menor, terá de calcular. Abençoada por Santa Sara, uma sugestão ao fazê-la é reservar o primeiro e o último prato para os mais necessitados.

São muitos ingredientes e um longo preparo, mas é um prato ideal para quem deseja saúde, paz e prosperidade, sendo uma ótima receita para finais de ano.

Ingredientes:

  • 1 xícara (café) de azeite extra virgem
  • 3 pimentas de cheiro limpas e picadas
  • 3 cebolas médias raladas
  • 7 dentes de alho amassados
  • 1 xícara (chá) de salsinha, cebolinha e coentro picados
  • 4 xícaras de camarão para molho
  • 7 tomates maduros e picados
  • 2 kg de filé de merluza limpos
  • 2 colheres (sopa) de sal
  • 3 xícaras (chá) de camarão médio
  • 10 postas de pescada amarela – limpa, sem pele e picada em cubos largos
  • 4 xícaras (chá) de anel de lula
  • 7 xícaras (chá) de mariscos limpos e cortados ao meio
  • 3 colheres (sopa) de curry
  • 3 colheres (sopa) de açafrão da terra
  • 49 camarões grandes sem casca e sem cabeça
  • 1 pimentão vermelho, 1 pimentão verde e 1 pimentão amarelo picado em cubos médios
  • Suco de 3 limões
  • 7 xícaras de arroz limpo e lavado
  • 1 colher (sopa) de salsa
  • 4 colheres (sopa) de azeite
  • 14 camarões grandes com casca e cabeça
  • 2 xícaras (chá) de ervilhas verdes (não use a de conserva)
  • 2 colheres (sopa) de açafrão com salsinha e coentro desidratados

Modo de Preparo:

Numa panela larga, de preferencia de barro ou de ferro, coloque o azeite extra virgem, as pimentas de cheiro limpas e picadas, as cebolas médias raladas, os dentes de alho amassados, a salsinha, a cebolinha e o coentro picados e refogue.

Veja  Shuvani Cigano

Acrescente o camarão para molho, os tomates maduros e picados e os filés de merluza limpos. Tampe a panela e deixe cozinhar na própria água.

Ao mexer, desmanche o filé de merluza com a colher de pau e acrescente 1 colher (sopa) de sal. Mexa e, antes que a água seque, ponha o camarão médio, as postas de pescada amarela – limpa, sem pele e picada em cubos largos, o anel de lula, os mariscos limpos e cortados ao meio, o curry, o açafrão da terra e 1 colher (sopa) de sal.

Tampe novamente a panela e deixe cozinhar por 20 minutos. Quando estiver fervendo a água, retire 2 conchas do caldo e reserve.

Prove o tempero, que deverá estar um pouquinho salgado. Se não estiver, acrescente mais uma colher de sopa de sal.

Acrescente os camarões grandes sem casca e sem cabeça e mexa. A panela deve ter caldo, não deixe secar. Coloque em fogo médio.

Ainda não colocamos água, tudo é feito com a água da própria carne. Acrescente o pimentão vermelho, o pimentão verde e o pimentão amarelo picado em cubos médios e mexa.

Acrescente o suco de 2 limões e, em seguida, o arroz limpo e lavado. Tampe a panela e deixe por 7 minutos. Esse é o tempo do arroz inchar – fogo médio.

Enquanto isso, numa frigideira, coloque o caldo reservado, a salsa, azeite e 7 colheres (sopa) de água, disponha os camarões grandes com casca e cabeça, acrescente o suco de 1 limão e salpique sal.

Deixe cozinhar até refogar, então vire-os com cuidado, refogue, desligue o fogo e reserve. Volte à panela e acrescente 7 copos de água e as ervilhas verdes (não use a de conserva).

Mexa pela última vez e salpique o açafrão com salsinha e coentro desidratados. Tampe a panela e peça saúde, paz e prosperidade, que Deus as multiplique como os grãos do arroz e os peixes do mar.

Veja  Nimbu Pani (Limonada Cigana)

Demora mais ou menos 30 minutos, não mais do que isso. Destampe e coloque os camarões grandes com casca e cabeça que você reservou na frigideira.

Coloque algumas colheres de água na frigideira e ferva para aproveitar o caldinho, despeje por cima dos camarões grandes com casca e cabeça.

Tampe novamente e espere uns dois minutos. Desligue o fogo e sirva depois de uns 10 minutos (mantenha a panela fechada).

Atenção: Nessa receita, só se vira a colher de pau no sentido horário, a panela deve ser mais larga do que alta e a cada alimento que se acrescenta costuma-se dizer:

“Pelo sinal da Santa Cruz, abençoados sejam seus filhos e filhas. Santa Sara, São Benedito faz render, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém.”


Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Livros para Você Comprar:

Élida Alexandre

Cartomante, taróloga, terapeuta holística e empreendedora de livros de auto ajuda espiritual, religião e esoterismo.

Site: elidaalexandre.com.br

YouTube: youtube.com/@ElidaAlexandre

Instagram: instagram.com/elidaalexandre9

TikTok: www.tiktok.com/@elidaalexandre9