Romanês

Romanês: Dicionário de Palavras do Povo Cigano

O Romanês, um idioma muito diferente do português e exclusivo do povo cigano, é um vocabulário que se originou pela mistura de muitos outros, resultado do nomadismo cigano pelo mundo.

É impossível vinculá-lo a um único dialeto ou etnia de ciganos, mas podemos conhecer algumas palavras e sua tradução.

Confira:

Pequeno Dicionário Romanês:

Acans: olhos

Ajuker: espera

Akana: agora

Aruvinhar: chorar

Bales: cabelos

Baque: sorte, fortuna, felicidade

Bartalo: sorte

Bato: pai

Brichindin: chuva

Cabén: comida

Cabipe: mentira

Caco: tio

Cadéns: dinheiro

Cali: preto

Calin: cigana

Calon: cigano

Chavoro: menino pequeno

Chavo: moço

Chucar: bonito

Churdar: roubar

Dai (ou Bata): mãe

Dilabal: cantar

Dirachin: noite

Duvêl: Deus, Nosso Senhor, Cristo

Estardar: prender

Gadjó: não cigano

Gajão: brasileiro, senhor

Gajin: brasileira, senhora

Jalar: ir embora

Kachardin: triste

Kali riat: noite escura

Kambulin: amor

Kriss: polícia

Lacho shavo: rapaz bom

Lolo: vermelho

Lon: sal

Love: dinheiro

Marrão: pão

Mirinhorôn: viúva

Naçualão: doente

Nano: tio

Nazar: flor

Paguicerdar: pagar

Panin: água

Paxivalin: donzela

Pilen: beber

Piral: caminhar

Prama: jóia

Querdapanin: português

Quiraz: queijo

Raty: sangue

Remedicinar: casar

Rholhaives: zangado, nervoso

Ron: homem

Runin: mulher

Rupuno: prata

Sato: relógio

Shei: rapariga

Shukar shei: menina bonita

Suato: conversa

Sunacai: ouro

Suvinhar: dormir

Tcher: casa

Tiráques: sapatos

Traio: vida

Trup: corpo

Urai: imperador ou rei

Urdar: vestir

Vázes: dedos ou mão

Xacas: ervas

Xinbire: aguardente

Xôres: barbas

Zha:

Romani: o Idioma dos Rom e dos Sintos

O romani é uma língua indo-europeia do ramo indo-ariana (ao qual pertencem o Sânscrito, o Pali, e outras línguas indianas modernas, como Hindi, Punjabi, Bengali, Nepali…) e é falada na Europa desde o século XII.

No entanto, não é língua oficial em nenhum país, exceto no Kosovo, e possui “status oficial de minorias” na Suécia, Finlândia e Romênia.

Desde o século XVIII os linguistas descobriram uma estreita relação entre o Romani e as línguas da Índia, havendo diversas tentativas de se criar uma língua romani padrão a partir de variantes com as da Romênia, Estados Unidos, Suécia, Eslováquia e de outros locais onde há muitos rom.

O romani também pode ser considerado como um grupo de dialetos ou mesmo de línguas relacionadas que têm uma origem comum, pois esteve em contato com diferentes línguas: persa, armênia, grega, romena, entre tantas outras.

O romani é classificado entre as línguas indo-arianas, assim como o hindi ocidental, o bhili, o guzerate, o khandeshi, o rajastani e outras.

O romani, o punjabi e o pothohari compartilham algumas palavras e características gramaticais. Um estudo de 2003, da revista Nature, sugere que o romani também se relacione com o sinhala do Sri Lanka.

Ainda se discute se a palavra “Sintos” teria origem comum com o nome da região Sind, do sul do Paquistão e oeste da Índia (Rajastão e Guzerate), no baixo rio Indo, ou se seria uma palavra romani de origem europeia.

Na sua estrutura gramatical, o romani mantém as características mais antigas das línguas indo-arianas, como marcadores de concordância de pessoa no presente e finais consonantais no caso nominativo.

Além disso, tem as mesmas inovadoras marcas de concordância de pessoa no passado das línguas kashmiri e shina, o que confirma a teoria de que o romani seria originário da Índia central, tendo migrado pelo Noroeste.

Os ciganos se espalharam pela Europa por pontos bem distantes entre si, o que levou a comunidades com formas diferentes da língua, resultando nos múltiplos dialetos romani de hoje e que são classificados em quatro grandes grupos:

• Dialetos balcânicos (sudeste);
• Dialetos centrais;
• Dialetos do norte;
• Dialetos Vlax (leste).

Atualmente, o romani é falado por minorias em 42 países europeus. A fragmentação territorial e diversidade dialetal fizeram do Romani uma das poucas línguas faladas por todo o mundo: América, China, Austrália, Europa e África.

Mas também, impediram que o Romani fosse normatizado. Um projeto da Universidade de Manchester vem transcrevendo pela primeira vez as diversas formas do romani, algumas das quais quase extintas.

Veja  Limpeza Energética para o Lar do Povo Cigano

Os atuais dialetos romani se diferenciam pelo vocabulário, pelas evoluções de fonemas e pelas diferenças gramaticais acumuladas.

Também há muitos Rom que não mais falam a língua de origem, falando diversas “linguagens de contato” com idiomas locais, as quais adicionam palavras do romani.

Uma divisão muito aceita para as diversas formas do romani é aquela que caracteriza dois grupos principais de dialetos: os valáquios (de Vlach) e os não valáquis.

Os dialetos valáquis são falados por mais da metade dos falantes do romani. A seguir, outros grupos de dialetos foram reconhecidos em função, primeiramente, da localização geográfica e do vocabulário.

Entre eles, temos:

  • Romani Balcânico, falado em Albânia, Bulgária, Grécia, Kosovo, Macedônia do Norte, Moldávia, Montenegro, Sérvia, Romênia, Turquia, Ucrânia
  • Romani de Gales, falado no País de Gales
  • Romani Kalo-Finlandês, falado na Finlândia
  • Romani Sinte, falado em Áustria, Croácia, República Tcheca, França, Alemanha, Itália, Holanda, Polônia, Sérvia, Montenegro, Eslovênia, Suíça
  • Romani dos Cárpatos, falado em República Tcheca, Polônia (sul), Eslováquia, Hungria, Romênia, Ucrânia
  • Romani do Báltico, falado em Estônia, Letônia, Lituânia, Polônia (norte), Bielorrússia, Ucrânia e Rússia
  • Dialetos romani da Turquia:
    • Thraki, falado na Trácia e em Üsküdar, distrito do lado anatólio do Bósforo (tem palavras vindas da língua grega)
    • Anatólio, com palavras vindas da língua turca e da língua persa.
    • Posha, dos ciganos armênios da Anatólia do Leste, nômades que se fixaram em Van, na Turquia; são chamados pelos curdos de Mytryp (“assentados”).

Nas últimas décadas, estudiosos trabalharam para categorizar os dialetos romani sob pontos de vista linguísticos com base em evolução histórica e isoglossas.

Uma significativa parte desses trabalhos foi feita pelo linguista Norbert Boretzky, de Bochum, Alemanha, o pioneiro em listar e tabelar as características estruturais dos dialetos romani conforme as áreas geográficas, em mapas.

Com isso, elaborou, junto com Birgit Igla, o Atlas dos Dialetos Romani, em 2005, que apresentava informações de isoglossas em mapas.

Na Universidade de Manchester, foram feitos trabalhos similares pelo linguista e ativista de direitos romani, Yaron Matras, e seus assessores.

Junto com Viktor Elšík (mais tarde, na Universidade Carlos de Praga), Matras compilou o maior e mais completo banco de dados das diversas formas morfossintáticas do romani.

É apresentada a teoria de classificação geográfica dos dialetos romani com base da difusão das inovações no espaço geográfico.

O romani antigo (falado ao tempo do Império Bizantino) se deslocou para a Europa junto com os Rom durante os séculos XIV e XV.

Línguas Mistas

Alguns grupos Rom desenvolveram línguas crioulas ou mistas, tais como:

  • Caló (Romani espanhol) ou íbero-romani – Léxico romani e gramática espanhola
  • Romani Norte-Central – Romungro
  • Erromintxela (romani basco) – Léxico romani com sintaxe e morfologia Basca.
  • Lomavren – romani armênio
  • Angloromani
  • Scandoromani (norueguês e sueco – romani) de viajantes;
  • Romno-grego
  • Romno-sérvio
  • Boyash, romani-húngaro
  • Sintos-Manouche-Sintos (romani com gramática alemã)

Na Sérvia há um romani padronizado na província autônoma da Voivodina, o qual é aí reconhecido como língua de minorias, tendo estações de rádio próprias.

Na Romênia, país com a maior comunidade Rom identificada, há um sistema único de ensino do romani, o qual unificou os diversos dialetos.

Essas padronizações de dialetos também vêm sendo feitas para reviver o romani entre grupos que já não mais falam a língua, como no caso da Espanha e Reino Unido.

Alfabeto

O romani utiliza o alfabeto latino em sua forma completa de 26 letras, havendo diacríticos como:

  • Trema em A, O, U
  • Breve em C, G, K, L, N, S, Z
  • Agudo em C, R, S, Z
  • Circunflexo em E, I

No romani lovari o alfabeto latino não apresenta nem Q, nem W e tem as seguintes combinações de letras: Dy, Ly; Kh, Ph, Sh, Th, Zh; dzh

Romani: a Expressão Mais Evidente da Identidade Cultural Cigana

Com a vinda dos imigrantes de etnia cigana (romani), ou seja, os Calon, os Rom e os Sinti, veio a língua, os costumes, a música, a dança, entre outros hábitos específicos de cada grupo.

Veja  Símbolos Sagrados do Povo Cigano

Por isso, pensar em ações de políticas públicas que promovam as línguas minoritárias é colaborar para a construção de um país plurilíngue e consequentemente valorizar os imigrantes portadores da etnia cigana (romani) que também ajudaram a construir esse país.

O romani é o único idioma não territorial que, até recentemente, se mantinha ágrafo e era passado exclusivamente de forma oral.

Quase todos os falantes do romani são bilíngues ou poliglotas e usam o idioma da população do país onde se encontram ou tenham nascido para comunicação social.

Qual a Denominação Correta: Romanês ou Romani?

O termo romanês é derivado de um advérbio. Exemplo: quando perguntamos: “Zhanes Romanes?” (“Conheces o Romanês?”) ou “Des duma Romanes?” (“Falas o Romanês?”) ou ainda “Vakeres Romanes?” (“Falas em Romanês?”).

Já o termo romani é derivado de um adjetivo. Exemplo: quando dizemos “Romani chib” (“Língua roma ou Língua cigana”).

O romani, que, apesar do nome, não pertence ao grupo das línguas romanas, como o português, francês, italiano, espanhol e romeno, é um idioma muito antigo, que genealogicamente pertence à família indo-germânica.

O romani deriva, na verdade, do sânscrito. Em Paris e Bucareste, há cadeiras de Romani nas universidades e uma equipe de lingüistas se ocupa, no momento, de estabelecer uma gramática comum e um extenso dicionário do idioma.

O romani é uma língua em mutação: muito do que já fez parte do idioma desapareceu e precisa ser redescoberto.

Frases Ciganas Traduzidas

Nais tuke: Obrigada

Gestena: Obrigada

Me Volis Tu: Eu te amo

Kamav tu: Te amo

Murri shukar: Minha linda

Tchumidau thio ilo: Beijo no seu coração

Morro volá: Meu amor

O Manusha Khevelan tut!: O povo te faz dançar

Bartai Sastimos: Boa sorte e boa saúde

Devlessa Araklam Tume!: É com Deus que te encontro!

Thie Aves Thiatlô Lom, Manrô Tai Sunkai!: Que você seja abençoado com o sal, com o pão e com o ouro!

Akana mukav tut le Devlesa: Eu agora deixo-o com Deus

Ando gav bi zhuklesko jal o pavori bi destesko: Em uma terra sem cães, os fazendeiros andam sem cajados

Baxt hai sastimos tiri patragi: Boa sorte e boa saúde

Bi kashtesko merel i yag: Sem madeira, o fogo pode morrer

Devlesa araklam tume: É com Deus que te encontramos

Devlesa avilan: Deus quem te trouxe

Dza devlesa: Deus vá com você

Droboy tume Romale: Cumprimento tradicional, como um “Olá”

Feri ando payi sitsholpe te nauyas: É na água que se aprende a nadar

Love k-o vast, bori k-o grast: Dinheiro na mão, noiva no cavalo

Mandar tsera tai kater o Del mai but te aven tumenge: Para mim um pouco de dinheiro, para você Deus dê prosperidade

Me som Alexia: Eu sou Alexia

O manusha khelevan tut: O povo te faz dançar

Me Kom Te ou Me kom Tu: Eu te amo

Ne rakesa tu Romanes?: Você não fala Romani?

Mishto hom me dikava tute: Estou feliz em vê-lo

Hai Shala?: Você entende?

Hery?: Verdade?

Hay Sheli: Eu entendo, Eu concordo

Miro Prala: Meu irmão

Miri Pen: Minha irmã

Latcho Drom!: Boa viagem!, Bom caminho!


Comentários

9 comentários a “Romanês: Dicionário de Palavras do Povo Cigano”

  1. […] língua Romanês é comum entre os Ciganos, mas com inúmeros […]

  2. Avatar de Rosângela
    Rosângela

    Prezados
    Poderiam me enviar Ave Maria em Romanes e sua tradução

  3. Avatar de Natslin
    Natslin

    Ola Boa noite!
    Onde acho para comprar o dicionário dele palavras do Povo Cigano Romanes :

    1. Não conheço nenhum dicionário de palavras do povo cigano disponível à venda. Pesquisando no Google, achei esse e-book: https://amzn.to/3QgSTnj, mas não tenho certeza se trata de um dicionário de palavras do povo cigano, está em espanhol.

      Você também pode baixar esse documento: https://pt.scribd.com/document/206830003/69783197-Dicionario-Romani, acredito que vai encontrar muitas palavras do povo cigano nele.

  4. Avatar de Rogéria
    Rogéria

    Olá boa noite me chamo Rogéria e sou cigana 😍

  5. Avatar de sandro
    sandro

    onde comprar o dicionario de palavras do povo cigano?

    1. Não sei. Não vendo esse dicionário.

  6. Avatar de sandro
    sandro

    meus antepassados eram ciganos onde procurar sobre os antepassados

    1. Primeiro, você pode pesquisar sobre seu sobrenome. Seu sobrenome carrega a história dos seus antepassados. Em segundo lugar, através de terapias, você pode descobrir algumas coisas, como, por exemplo, regressão de vidas passadas, cartomancia, tarot, etc. Caso queira procurar saber sobre seus antepassados com uma cartomante e taróloga, eu posso te ajudar. Meu site para contratar consultas é o http://elidaalexandre.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Livros para Você Comprar:

Élida Alexandre

Cartomante, taróloga, terapeuta holística e empreendedora de livros de auto ajuda espiritual, religião e esoterismo.

Site: elidaalexandre.com.br

YouTube: youtube.com/@ElidaAlexandre

Instagram: instagram.com/elidaalexandre9

TikTok: www.tiktok.com/@elidaalexandre9